A idéia no Marketing na Igreja

marketing

A igreja contém muitos exemplos de marketing, embora tradicionalmente tais atividades não sejam assim chamadas. Na prática, quando você compartilha a sua fé com quem não crê, ou quando anuncia ou informa às pessoas sobre as atividades da sua igreja, ou se na frente da sua igreja há um aviso indicando o horário dos cultos, da escola dominical, ou o título do próximo sermão, você está, na verdade, fazendo marketing da sua igreja, embora não designando tal atividade por esse nome, porém, o Marketing é muito mais do que isso.

As organizações atuais tem hoje nas suas ferramentas uma base de planejamento dos seus negócios que são essenciais para o crescimento e estabilidade de qualquer empresa ou instituição, além disso, a procura e migração de igrejas que ocorrem em nosso tempo, gerada principalmente pelo anseio cada vez maior do homem de preencher suas necessidades espirituais nos impulsiona cada vez mais a lidar com o marketing.

Este tipo de crescimento estável se dá por conta de um plano de Marketing, que normalmente é elaborado através de pesquisas e relatórios. Num contexto eclesiástico, o plano de marketing prepara o ministério para alcançar mais eficazmente nossas pessoas e para apoiar a família existente da igreja ao esboçar os passos de ação que ele deveria abraçar para ter um ministério capaz de modificar a vida.

Esse plano, porém, consiste em mais do que uma série de ideias louváveis ou de conceitos, serve de fotocópia ou mapa para levá-lo de onde sua igreja se acha hoje para onde quiser que ela esteja, dentro de um escopo em um determinado tempo. Para cada objetivo, a estratégia e a tática incluídas no plano, são requeridas referências para necessidades financeiras, recursos temporais e outros.

Sendo assim, podemos criar uma “base” para um planejamento estratégico da igreja local, que de uma forma simples poderá ser utilizada pelos pastores e líderes.

Planejamento Estratégico.

✓ Definir a Missão (o que somos e que desejamos ser?) Propósito da igreja, objetivo constante do propósito.

✓ Análise da situação interna (onde estamos agora?)

✓ Ambiente (político, econômico, técnico e social) Membros e outros participantes, fontes de fundos, competição.

✓ Mercado – Alvo (Para onde queremos ir)

Descrição do mercado alvo

✓ Estratégias de Marketing – metas (como vamos chegar lá?)

✓ Plano de Ação de Marketing (o quê e quem?)

✓ Orçamento de Marketing (quanto e onde gastar?): Recursos humanos e financeiros, tempo, quantidade e alocação, controle de Marketing

✓ Resultados da implementação, correções necessárias para aperfeiçoar o desempenho.

A utilização dessas ferramentas na igreja, trarão uma estabilidade organizacional, proporcionando aos pastores e líderes crescimento e cumprimento de suas metas e planejamentos

Leonardo Carlos

Meu nome é Leonardo Carlos, Sou Desenvolvedor web, Designer Gráfico, Consultor em Marketing Digital certificado. Atuo na área da internet desde 2002 e ajuda profissionais e empresas crescerem seus negócios através da internet.

Website: http://www.leonardocarlos.com.br

1 Comentário

  1. Pingback: A idéia do Marketing na Igreja - Igreja Metodista Wesleyana em Edson PassosIgreja Metodista Wesleyana em Edson Passos

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.